Setor de Compras 4.0: como novas tecnologias vão impactar nos processos.

Estamos vivendo a quarta revolução industrial, em que o uso de tecnologias e máquinas se tornou essencial para o atendimento das novas necessidades dos usuários. Vários setores estão se movimentando para se adequar a realidade, por exemplo, o Setor de Compras 4.0.

Não há mais como ignorar a inovação e as novas demandas do público atual. A mudança na postura das empresas, nos conceitos de gestão e nas rotinas de trabalho é algo inerente a essa transformação digital.

Para não correr riscos, é importante entender os novos conceitos e adaptar corretamente a sua empresa. Confira o nosso panorama sobre o Setor de Compras 4.0 e comece transformando um departamento de suma importância para qualquer negócio.

Boa leitura!

 

O que é o Setor de Compras 4.0?

Como explicado, a quarta revolução industrial impactou o mundo corporativo como um todo. Para se adaptar as novas transformações, os setores tiveram que abraçar tecnologias e desenvolver soluções inteligentes para o dia a dia das empresas.

O Setor de Compras 4.0 é, basicamente, a resposta da área de aquisição de materiais a essa realidade. É o desenvolvimento do trabalho para transformar a execução e a análise de fluxos de dados dentro das organizações.

Nesse modelo de gestão, são implementadas ferramentas tecnológicas em diferentes estágios do processo de compras de uma empresa, gerando benefícios como aumento de produtividade e redução de custos – que seriam mais difíceis em rotinas “manuais”. Entre as ferramentas adotadas no processo 4.0, destacamos:

  • Inteligência artificial (IA);
  • Cloud computing;
  • Big Data.

Como esse novo cenário tecnológico muda o setor de compras na prática?

Assim como na própria revolução industrial, o modelo 4.0 não se limita à implementação de novas tecnologias no dia a dia do setor. Mais importante que a adoção de ferramentas aleatórias, é mudança no estilo de gestão.

A gestão 4.0 prima pela inteligência e pela participação coletiva. Como acontece na logística 4.0, o novo Setor de Compras é aquele que deixa de ser apenas um departamento isolado para se tornar um alicerce estratégico para o negócio.

Na prática, há um direcionamento para que a área de aquisição de suprimentos assuma um papel de protagonista e impulsione outros departamentos da empresa.

Outro impacto prático que o novo conceito de trabalho traz para o setor de compras diz respeito à capacitação de pessoal. Com a mudança de mentalidade e a introdução de novas tecnologias, os profissionais precisam estar preparados para potencializar o uso das ferramentas e gerar os resultados esperados.

Não há mais como protelar o desenvolvimento. Com a automatização, diversas atividades manuais serão extintas e as equipes de trabalho deverão acompanhar a evolução do setor. De outra forma, tanto os profissionais quanto as empresas correm o risco de se tornarem obsoletos.

O que as empresas já estão fazendo hoje?

Hoje, muitas empresas já estão implementando soluções e desenvolvendo suas gestões de trabalho no setor de compras.

É possível ver isso com o considerável crescimento na aquisição de ERPs por empresas brasileiras. Esses softwares de gestão permitem que o controle de variados processos seja feito de maneira centralizada, além de facilitarem o compartilhamento de informações.

A automatização dos processos é outro fator real no dia a dia das empresas. Se no passado as anotações em blocos de papel eram comuns em um setor de compras, hoje, a ação está praticamente extinta. A comunicação é outro ponto impactado, tanto internamente quanto externamente.

Confira no próximo tópico como se dá a relação entre empresa e parceiros no Setor de Compras 4.0.

Qual o impacto nos relacionamentos?

O setor de compras é um dos que mais se relacionam com agentes externos, principalmente com fornecedores e transportadoras. Na filosofia 4.0, há uma melhor comunicação entre todos os participantes da cadeia de suprimentos, tornando tudo mais dinâmico e transparente.

Aqui, a via de mão única é trocada pela ação conjunta, com fornecedores e transportadoras sendo alimentados com informações pertinentes sobre o estoque da empresa, prazos de entrega etc., criando uma relação muito mais colaborativa e permissiva.

Outro ponto de mudança está na própria escolha dos parceiros. Com a empresa trabalhando de maneira mais automatizada e com uma gestão inovadora, a definição desses agentes precisa considerar novos critérios.

Afinal, não adianta investir em tecnologias e treinamento de pessoal se os parceiros continuarem desenvolvendo serviços ultrapassados e que não condizem com a atual demanda do mercado.

Por que investir no Setor de Compras 4.0?

Se você ainda tem dúvidas sobre a importância da implementação do Setor de Compras 4.0, conheça algumas ótimas vantagens que esse novo conceito pode trazer para a sua empresa.

Melhor controle de estoque

Como vimos, no modelo 4.0 há um compartilhamento inteligente de informações, incluindo os níveis de estoque. Com essa integração, o controle de estoque se torna muito mais eficiente, impedindo abarrotamento ou rupturas de produtos.

Mais agilidade e segurança

Com a automatização e a utilização correta de dados, o setor de compras tende a se tornar mais ágil na execução diária. Ao mesmo tempo, a segurança das informações aumenta em razão da adoção de ferramentas como Big Data e Blockchain. Ou seja, há uma maior dinamização e cuidado na criação e no fluxo de documentos como:

  • ordem de compras;
  • recebimentos;
  • contratos.

Aumento de lucros

O aumento de lucros é uma consequência direta aos outros benefícios inerentes ao conceito 4.0. Com mais agilidade, segurança, eficiência e uma menor taxa de erros, a empresa tende a controlar seus níveis de estoque e trazer um ótimo custo-benefício em suas transações.

Não há como ignorar a inovação no setor de compras. O modelo 4.0 já é uma realidade e as empresas precisam entendê-lo para se adaptar corretamente. A análise sobre os principais pontos desse estilo de gestão é fundamental para que você adicione os fatores que mais se adéquam ao seu negócio e as necessidades dos seus clientes. Prime também por parceiros que desenvolvem serviços dentro dessa nova realidade do mercado.

Gostou do artigo? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe a sua opinião nos comentários.

Marketing e Dados: Entenda como eles podem transformar o seu negócio

Com certeza você já ouviu a frase: “A informação tem poder!” É um conceito antigo que aponta para a importância da extração e do estudo de informações. Porém, hoje, com a transformação digital, a relevância dos dados foi elevada ao máximo. E o marketing das empresas precisa estar consciente disso.

A cada dia é gerado um volume incontável de dados na internet, muitos deles de usuários a procura de serviços e produtos específicos. Essa nova realidade trouxe para o marketing empresarial uma responsabilidade ainda maior em conectar as necessidades dos clientes com os objetivos das instituições.

Quer entender melhor a relação entre marketing e dados? Continue lendo o nosso artigo e conheça os pontos mais importantes sobre o assunto.

Boa leitura!

 

Qual a importância da coleta de dados para as empresas?

Como explicado, a extração de informações sempre foi uma prática do mercado. Porém, a internet e a transformação digital elevaram muito o nível de importância desse tipo de atividade.

O acesso massivo à internet transformou o perfil do cliente do século XXI. Hoje, muitos usuários buscam mais por atendimentos, produtos e serviços personalizados do que propriamente preços abaixo da média.

É exatamente a descoberta dessas novas necessidades que torna a coleta de dados uma tarefa tão importante. A partir de um trabalho analítico, as empresas conseguem identificar as carências no mercado e desenvolver produtos e serviços que estejam dentro das expectativas.

Porém, ao mesmo tempo em que há uma abundância de dados, também há um crescimento de marcas. Ou seja, cada minuto que o seu empreendimento deixa de captar e analisar informações, ele abre possibilidades para a concorrência sair na frente na preferência dos clientes.

Qual é o papel do marketing?

Como um setor que lida diretamente com a reação do público, o marketing das empresas tem um papel de protagonista na era digital. Além de identificar as necessidades do público, ele precisa trabalhar em soluções reais para esses fatores.

A análise de dados torna esse processo mais plausível e dentro de uma taxa menor de erros. Todavia, mesmo em empresas que já adotam a transformação digital em suas gestões, é necessária uma organização no trabalho de coleta por parte do departamento de marketing.

A própria quantidade de dados gerados, por vezes, pode ser uma armadilha. Sem definições claras sobre as metas e objetivos, corre-se o risco de atrasos e criação de estratégias pouca efetivas.

Muito mais do que extrair informações, deve-se definir a forma correta da utilização. Em outras palavras, antes de iniciar a coleta e análise dos dados, o marketing precisa ter respostas para perguntas como:

  • Qual é o meu público alvo?
  • O objetivo é atração ou retenção?
  • Qual etapa do funil vamos trabalhar?

Assim, é possível filtrar as informações válidas, descartando ou direcionando aquelas que não se encaixam dentro da estratégia. Ou seja, como protagonista, o marketing deve não ser só eficaz na extração e utilização de dados, mas também um exemplo para os outros setores de uma empresa.

Como implementar uma cultura de coleta de dados?

Para que a coleta seja desenvolvida com maior eficiência, é interessante que a empresa trabalhe com uma cultura direcionada a essa atividade. Mas, como implementar uma cultura de dados? Confira.

Engaje os colaboradores

Sem a participação dos funcionários nenhuma estratégia empresarial consegue surtir o efeito esperado. É fundamental que os líderes de equipe condicionem seus liderados a fornecer dados importantes para os projetos da empresa.

Um trabalho diário de incentivo à autonomia dos profissionais, bem como o desenvolvimento de uma comunicação próxima são importantes para alcançar o engajamento necessário.

Crie uma estratégia clara e simples

Para facilitar o dia a dia dos membros das equipes é interessante definir estratégias claras e de simples entendimento. Estabeleça regras e nomes para que a coleta de dados aconteça de forma organizada e natural.

Conte com as ferramentas certas

Toda tecnologia gera dados, mas nem toda consegue coletar ou armazenar essas informações. Por isso, é imperativo contar com ferramentas que façam a extração, o armazenamento e compartilhamento das informações para o marketing.

Enfim, a análise de dados é algo intrínseco ao marketing das empresas. Porém, hoje, com uma geração de informações cada vez maior, o departamento desempenha um papel diferenciado não só para conectar clientes e empresas, mas também impulsionar a performance de outras áreas, como o setor de compras, atendimento e logística.

Para entender mais sobre a transformação digital na logística, confira o nosso artigo sobre a Logística 4.0.

RDR Soluções Logísticas: A transportadora certa para a sua empresa

Com mais de 33 anos de experiência no mercado, a RDR Soluções Logísticas vem se mantendo forte no mercado por meio de um trabalho diferenciado e de alta qualidade. A empresa prima por uma gestão inovadora para entregar serviços compatíveis com as necessidades de seus clientes.

Com a internet e a globalização, muitos negócios surgiram e expandiram o mercado logístico. Porém, só as marcas que contam com equipes preparadas e know-how sobre o setor conseguem atender clientes de todos os portes e diferentes demandas.

Nesse novo cenário, o embarcador precisa escolher uma transportadora que colete e entregue suas mercadorias com eficiência, prazo e custo-benefício. Quer contar com uma marca com essas características no dia a dia do seu negócio? Conheça a RDR Soluções Logísticas. Boa leitura!

Quem é a RDR Soluções Logísticas?

Nascida em 1986, na cidade de Ribeirão Preto, em São Paulo, a RDR Soluções Logísticas é a concretização do sonho de dois irmãos paulistas. Como toda história de sucesso, o início da caminhada foi difícil, com muito trabalho e aprendizado.

Mas os gestores da RDR sempre primaram pela transparência e qualidade nos serviços da empresa, abrindo espaço para cada vez mais oportunidades de negócios. No início, eles contavam apenas com um pequeno depósito em Ribeirão Preto, mas, hoje, além de uma sede altamente estruturada, a empresa possui duas grandes filiais, em Pouso Alegre/MG e Goiatuba/GO.

Com foco na satisfação dos clientes e no desenvolvimento de serviços personalizados, a RDR Soluções Logísticas fechou parcerias de sucesso e cresceu como uma das transportadoras referências na sua região. Mesmo com a expansão, a empresa sempre manteve os seus valores originais:

  • comprometimento;
  • transparência;
  • credibilidade;
  • criatividade;
  • qualidade;
  • respeito;
  • união.

Acesse e confira a trajetória completa da RDR Soluções Logísticas.

Quais os diferenciais da empresa?

Como dito, nenhuma transportadora se mantém forte no mercado entregando serviços básicos e obsoletos. A RDR trabalha com inovação e inteligência para se adaptar às novas demandas, entregando uma experiência completa para os seus clientes.

Conheça alguns diferenciais que fazem da RDR Soluções Logísticas a empresa certa para você.

Experiência no setor

Operações como coleta e distribuição de mercadorias podem ser complexas para quem tem pouco conhecimento no setor. Um dos principais diferenciais da RDR Soluções Logísticas é a expertise em todos os serviços da cadeia logística, afinal são mais de 3 décadas de destaque no mercado.

Processos com alta tecnologia

Como explicado, a gestão RDR sempre teve a inovação como uma de suas prioridades. Tanto a adoção de ferramentas quanto a automatização de processos são questões fundamentais no dia a dia da empresa.

É um conceito aplicado em todos os estágios logísticos, garantindo eficiência nos serviços prestados, controle de custos e otimização da produtividade.

Frota de veículos diferenciada

Uma transportadora não pode oferecer um serviço de excelência sem uma equipe preparada e equipamentos de primeira linha, incluindo os veículos de carga. A RDR é uma das poucas transportadoras do mercado que trabalham com uma frota grande e diferenciada:

  • 100 cavalos-mecânico;
  • 115 Carretas;
  • 4 Trucks.

Com essa diversidade, ela se torna capaz de atender inúmeros tipos de clientes com eficiência, qualidade e prazo.

Modalidade Fracionada

A modalidade fracionada é uma das mais utilizadas pelos embarcadores atualmente. Com ela, todo o espaço do veículo de transporte é aproveitado com cargas de diferentes remetentes, dividindo os custos da operação entre todos os participantes.

Além de oferecer esse tipo de processo, a RDR entrega as mercadorias em todos os destinatários, ainda que não sejam pontos próximos uns dos outros – muitas empresas têm dificuldade em realizar esse tipo de serviço em razão da distância dos pontos distribuição.

Quem são os clientes RDR?

Os clientes são o reflexo da capacidade de uma empresa. Quando grandes marcas utilizam uma transportadora por anos, significa que os serviços prestados são de alta performance e dentro ou acima das expectativas. Conheça alguns dos parceiros da RDR Soluções Logísticas:

  • Carrefour;
  • Unilever;
  • Pepsico;
  • Danone;
  • Castelo;
  • Cepera;
  • Nestlé;
  • Cargill;
  • Fugini;;
  • Parati;
  • Ekma;
  • Italac;
  • Ypê.

Além de tudo isso, a RDR Soluções Logísticas adota uma política de aperfeiçoamento profissional constante, mantendo suas equipes atualizadas sobre as principais inovações, tendências e obrigatoriedades do setor. Agora é a sua vez, embarcador. Escolha a melhor transportadora e garanta alta qualidade na execução dos seus serviços.

Acesse e faça uma cotação agora mesmo pelo site da RDR Soluções Logísticas.

Real Time na Logística: Saiba como aplicar

Você sabe o quanto a sua empresa logística está faturando neste momento? A sua empresa tomou algum prejuízo financeiro recentemente? Para a maioria dos gestores essas perguntas não são tão simples de responder. Mas tudo muda para aqueles que utilizam o Real Time.

A prática de acompanhar os dados da contabilidade em tempo real não é algo muito difundido entre as empresas brasileiras. Ainda que o valor estratégico da ideia seja alto, muitos empreendedores ainda trabalham com processos ultrapassados.

Uma boa gestão envolve planejamento, organização e controle. E o Real Time pode ajudar o seu negócio a conquistar esses diferenciais. Quer saber do que se trata e quais os benefícios da estratégia? Continue lendo e confira os principais pontos sobre o assunto. Boa leitura!

O que é o Real Time?

O Real Time é um conceito utilizado em diferentes setores e com significados próprios em cada situação. Por exemplo, no marketing, a modalidade é aplicada para que uma empresa utilize os acontecimentos diários para se comunicar com o seu público, gerando interação instantânea.

Quando entramos na logística, o Real Time adotado se baseia nos conceitos de contabilidade. Aqui, há um trabalho para o monitoramento e utilização dos dados financeiros em tempo real. Acompanhar o fluxo financeiro a fim de tomar decisões importantes faz parte de um planejamento estratégico.

Qual a importância da utilização do Real time?

O mercado evoluiu. Hoje, a rotatividade de informações é muito maior do que algumas décadas atrás. No passado, a contabilidade de uma empresa, normalmente, utilizava dados atrasados para gerar relatórios que demonstravam a situação financeira do negócio.

Como o acesso tecnológico era limitado para a maioria e a globalização estava em fase inicial, isso era, de certa maneira, aceitável. Porém, hoje, com a crescente demanda do mercado e o aumento da competitividade, uma empresa não pode se dar ao luxo de trabalhar com números obsoletos.

O Real time é importante justamente por diminuir o intervalo entre o acontecimento dos fatos e as ações dos gestores. As análises específicas permitem uma unificação do trabalho de diferentes equipes.

Com a logística sendo um dos setores mais impactados com a transformação digital, uma gestão financeira em tempo real se faz mais que necessária para o sucesso das atividades diárias.

Você, por exemplo, consegue responder se perdeu ou ganhou mais dinheiro esta semana? Ou quanto tempo demora para conferir os números do faturamento da sua logística?

Ao implementar o Real Time na sua empresa você se torna capaz de responder todos esses questionamentos. Isso traz um cenário mais favorável ao negócio, afinal, trabalhar com informações reais facilita bastante à tomada de decisões e a construção de estratégias.

Quais as vantagens da prática?

Além de melhorar o fluxo de informações e trazer maior segurança para a tomada de decisões do gestor, o Real time oferece outros benefícios para a sua empresa. Confira logo abaixo.

Melhora a gestão do negócio de maneira geral

Uma análise de dados de maneira rápida e inteligente permite que o gestor tenha amplo controle sobre o negócio. Tendo em vista que o trabalho da contabilidade impacta toda a empresa, otimizar os processos do setor resulta em melhorias coletivas.

Com o trabalho mais analítico, as ações são desenvolvidas com mais segurança, melhorando a rotina de departamentos importantes dentro de uma cadeia logística, por exemplo:

Aumenta a competitividade da empresa

Sendo mais eficiente nos planejamentos e execuções, a sua marca se torna mais forte no mercado, conseguindo competir em igualdade com outras marcas. Ao atingir um novo patamar, outras ações tendem a ser mais bem sucedidas, por exemplo: atração, retenção e fidelização de clientes.

Transforma a comunicação da empresa

Ao implementar um sistema de gestão para melhorar a performance do Real Time, você consegue otimizar a comunicação operacional da empresa. Com isso, a tão necessária integração de setores acontece de fato e todas as equipes passam a compartilhar as mesmas informações e dados.

Hoje não há mais espaço para processos obsoletos e defasados. Toda empresa que deseja se destacar no setor logístico precisa adotar metodologias como o Real Time, que permite um aumento de produtividade nos mais variados processos. O mercado está em plena mudança, e monitorar constantemente os dados da contabilidade significa preparar o seu negócio para as necessidades atuais.

Gostou do artigo? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe a sua opinião nos comentários.

Embarcador: Saiba o que analisar ao escolher uma transportadora

Garantir os melhores serviços a custos realistas é o objetivo de todo embarcador. Pois, ao ser bem-sucedido, ele consegue garantir o escoamento da produção e a entrega dos pedidos dos clientes dentro dos prazos definidos.

Mas como utilizar recursos próprios encarece bastante o orçamento, o melhor caminho é contar com transportadoras capacitadas e de alta eficiência produtiva. No entanto, o que um embarcador deve analisar antes de escolher uma transportadora?

Para facilitar o seu trabalho, criamos este artigo com dicas sobre o assunto. Continue lendo e saiba o que deve ser analisado dentro de um planejamento para a escolha de um parceiro de transporte. Boa leitura!

 

Análise de necessidades da empresa

As primeiras informações que você deve levantar, enquanto embarcador, são sobre as necessidades do seu negócio. Uma análise detalhando qual tipo de perfil deve ter a transportadora para atender as demandas da sua empresa. É possível colocar diferentes fatores, por exemplo:

  • expertise da transportadora no setor;
  • capacidade de transporte;
  • prazos de entrega;
  • valores.

Esse levantamento é importante para que você consiga realizar uma triagem. Se o parceiro não corresponde as suas expectativas iniciais, então não há razão para manter uma negociação.

Afinal, o transportador tem papel fundamental no relacionamento com o seu cliente. Se ele não se encaixa no perfil que o seu público-alvo espera, essa imagem acaba refletindo no seu negócio.

 

Experiência e histórico da empresa

Com uma segmentação realizada, o passo seguinte é conhecer melhor a empresa postulante. A operação em que a carga passa do embarcador para o transportador pode ser bastante complexa, por isso é imperativo que a transportadora tenha conhecimento no assunto.

O melhor caminho é pesquisar sobre o histórico da empresa e o que o mercado fala sobre a sua atuação. Há vários pontos que você pode analisar, mas alguns dados não podem ficar de fora, tais como:

  • qualificações e especialidades da empresa;
  • nível de satisfação de clientes anteriores;
  • tempo de atuação.

 

Eficiência no atendimento ao cliente e parceiro

Um ponto essencial que muito embarcador negligencia na hora de avaliar uma transportadora é o nível de atendimento da parceira. Embora a execução do serviço seja importante, um atendimento defeituoso também pode trazer grandes prejuízos.

A transportadora é o agente que faz a entrega para o seu cliente final. Caso haja algum imprevisto durante a operação, pode ser que o usuário entre em contato não com a sua empresa, mas com a transportadora.

Se o atendimento oferecido for aquém do esperado, a sua empresa corre o risco de perder um ou mais clientes. É um ponto que não pode ser ignorado, sendo necessário avaliar:

  • canais de comunicação disponíveis;
  • tempo de atendimento;
  • facilidades de contato.

Claro, também analise o nível de execução dos serviços, bem como cumprimento de prazos e qualidade das ferramentas.

 

Informações sobre a frota e equipe de trabalho

Uma transportadora não pode oferecer um serviço de excelência sem uma equipe preparada e equipamentos de primeira linha, incluindo os veículos de carga.

Como embarcador, você deve solicitar informações pertinentes sobre a frota a fim de constatar a eficiência dos veículos em relação às necessidades do seu negócio. Verifique fatores como:

Não obstante, se informe sobre a capacidade técnica da equipe de trabalho. Pesquise se a empresa adota uma política de aperfeiçoamento profissional constante, mantendo as equipes atualizadas sobre as principais inovações, tendências e obrigatoriedades do setor.

 

Adoção de tecnologia

A aplicação de tecnologia sempre foi uma realidade dentro do setor logístico. Tanto a adoção de ferramentas quanto a automatização de processos são ações fundamentais para que as empresas consigam atender corretamente as necessidades dos clientes.

Por isso, não deixe de analisar se a transportadora adota soluções tecnológicas em seus processos. E essa análise deve considerar todos os estágios da cadeia logística, afinal, como vimos, o trabalho da transportadora pode ter grande impacto no relacionamento com o seu cliente.

Além disso, empresas que abraçam a tecnologia tendem a reduzir seus índices de erros, controlar os custos e otimizar a produtividade. Isso é excelente não só em termos de execução de serviços, mas também na negociação de preços.

 

Transparência nas informações com o embarcador

Para que as partes tenham sucesso, a relação entre embarcador e transportadora deve ser sempre transparente. É preciso que haja uma troca de informações direta e constante sobre todos os detalhes da operação.

Você deve verificar se a transportadora trabalha com compartilhamento de informações, permitindo que o embarcador consiga acompanhar o trajeto da mercadoria. A ação também é interessante para que a sua empresa mantenha o cliente informado, atualizando o status da entrega.

É fato que contratar serviços de outra empresa não é tarefa simples. Só é preciso uma decisão errada para comprometer o planejamento e o faturamento de um ano inteiro. Porém, ao seguir as dicas apresentadas, você forma uma base sólida para fazer a melhor escolha, garantindo eficiência nas entregas e qualidade em todo o serviço.