Logística de varejo

Logística no varejo

A logística no varejo é a forma mais eficaz para que as empresas do setor consigam otimizar suas operações e garantam a oferta de produtos para seus consumidores. Ou seja, aqui, a logística tem influência direta no relacionamento com os clientes.

Isso significa que quanto mais bem desenvolvido o trabalho logístico, mais destaque uma empresa tende a ter no ramo varejista. Da mesma forma que uma logística falha pode resultar na perda de espaço dentro do mercado.

Quer entender mais sobre a logística no varejo e o quanto ela pode ser importante para a sua empresa? Então, continue lendo e confira a nossa postagem completa sobre o assunto.

Boa leitura!

Como funciona a logística no varejo?

Essencialmente, a logística é a metodologia que garante a possibilidade de os itens certos estarem nos locais certos, no prazo combinado e ao menor gasto possível. E para que tudo isso seja possível, são desenvolvidos processos específicos como:

  • armazenagem;
  • distribuição;
  • embalagem;
  • transporte;
  • coleta.

É um conceito que se repete em qualquer setor, independentemente do tamanho da empresa que contrata ou realiza o serviço.

A logística no varejo funciona da mesma forma. Com a aplicação dos processos citados, a operação garante que os clientes do estabelecimento varejista tenham à disposição os produtos desejados no momento certo, sendo essencial na experiência de compra.

Por que é importante ter uma eficiente cadeia de suprimentos no varejo?

Em alguns setores, a logística é vista como uma área separada das demais, funcionando de maneira um pouco paralela. Mas, como explicado, no varejo é totalmente o contrário. A logística no varejo impacta diretamente na forma como o cliente enxerga a sua marca.

Por exemplo: ainda que o consumidor não seja especialista no assunto, ao não encontrar o produto desejado na prateleira, ele entende que as mercadorias certas não estão sendo entregues. E se esse cenário se repete muitas vezes, você corre sério risco de perder esse cliente.

Mas é claro que uma perfeita sintonia entre o serviço da sua empresa e as expectativas do cliente só é possível quando você tem uma supply chain eficiente. Com todas as etapas alinhadas, você não só constrói um bom relacionamento com o consumidor como também garante outras vantagens. Confira.

Redução de custos

Como você sabe, todo o processo que vai da aquisição do produto à distribuição ao cliente pode ser bastante custoso. Por isso a logística no varejo é tão essencial.

É por meio de técnicas aplicadas nessa metodologia de trabalho que você consegue identificar e resolver gargalos que acontecem em diferentes etapas da cadeia de suprimentos.

Com um processo bem construído, você tem rotas mais seguras e rápidas, armazenagens que respeitam as características dos produtos, separações e coletas com menos avarias, entre outros. A cada mês a tendência é de mais eficiência e menos custos.

Serviço de maior qualidade

No Brasil existem milhares de empresas varejistas, todas trabalhando com um mesmo objetivo: oferecer produtos aos clientes. A grande diferença de uma marca para outra está justamente na qualidade do serviço desenvolvido.

Para o cliente, ainda que os produtos oferecidos por determinada marca sejam reconhecidamente de alto padrão, não adianta se ele nunca consegue encontrá-los nas prateleiras. Há uma conclusão de que o serviço oferecido é falho.

Mas com uma logística no varejo bem trabalhada você não corre esse risco. O consumidor sempre terá os itens desejados à disposição e em quantidade que atenda às expectativas.

Vantagem de mercado

Obviamente, com um serviço de qualidade e que atende aos anseios dos clientes, a sua empresa se destaca das demais e ganha vantagem competitiva. E em um mercado tão inflado, esse tipo de benefício ajuda a sua marca a se manter na ponta, mesmo em situações macroambientes como crises políticas ou econômicas.

Por que contar com uma transportadora especializada na logística de varejo?

Com a certeza de que a logística no varejo é essencial para o sucesso do seu negócio, a melhor opção é garantir qualidade nesse serviço. Mas, não há como negar que uma logística de alto padrão demanda foco total, e em uma empresa que precisa se preocupar com outros departamentos nem sempre isso é possível.

Seja você fabricante do produto ou revendedor para o cliente final, em geral, a logística é sim fundamental, mas acaba não sendo o cerne da empresa.

Mas então, como garantir um serviço logístico de qualidade sem ter que abrir mão das outras atividades principais do negócio? A resposta está na parceria com uma transportadora especializada.

Ao contrário da sua empresa, uma transportadora tem o foco total na logística e no desenvolvimento de todas as etapas do processo. Tendo expertise no assunto, ela garante não apenas a movimentação dos produtos, como torna possível todos os benefícios citados no tópico anterior.

Porém, a principal vantagem de contar com uma transportadora especializada, sem dúvida, é se dar ao luxo de focar no core business do seu negócio, seja fabricação ou revenda, tendo a certeza de contar com um serviço logístico de qualidade.

Enfim, o aperfeiçoamento da logística no varejo é uma ideia que deve estar presente em todo planejamento de qualquer empresa do ramo. Tenha em mente que não adianta fabricar ou revender produtos de qualidade se eles nunca estiverem disponíveis quando os clientes precisarem. A sua vantagem competitiva depende do sucesso da logística.

A RDR é referência no Brasil na logística de varejo, com expertise no ramo alimentício e carga seca. Acesse e saiba como a RDR pode ajudar a sua empresa hoje.

Black Friday, o impacto na logística

Mesmo diante de algumas crises, sejam políticas ou sanitárias, a Black Friday vem se mantendo como uma das datas mais fortes para o varejo no país. A cada ano só aumenta o número de consumidores que esperam justamente o mês de novembro para realizarem suas compras.

Se no início a Black Friday era tratada com pouco esmero por muitas empresas, que queriam vender, mas com pouco planejamento, agora há uma certeza sobre a importância da preparação prévia. A mudança de pensamento fica claro quando observarmos a relevância que a logística tomou para muitos gestores em relação à Black Friday.

É justamente sobre esse impacto que falaremos no post de hoje. Continue lendo e saiba ainda como preparar a logística da sua empresa para a tão importante Black Friday.

Boa leitura!

Qual o impacto da Black Friday na logística?

Quando chegou ao Brasil, há quase 1 década, a Black Friday acontecia apenas em uma única data do mesmo de novembro – assim como acontece nos Estados Unidos. Porém, com o tempo, a estratégia deu tão certo em território nacional que deixou de ser promoção de único dia para se tornar um evento de mês inteiro.

Claro, ainda existe a “Black Friday”, que em 2020 acontece no dia 27 de novembro, mas a data se tornou muito mais abrangente. E isso se deve muito ao faturamento que aumenta a cada ano. Em 2019, por exemplo, o varejo faturou mais de 3 bilhões com a Black Friday.

Graças a essa abrangência, os empresários começaram a entender que a data tinha que ser tratada de forma mais acurada, com planejamentos prévios e melhores execuções. E uma das áreas mais impactadas nessa mudança de pensamento foi justamente a logística, e a razão disso é bem simples.

A verdade é que ao mesmo tempo em que aumentava a participação dos consumidores durante a Black Friday, também crescia o número de reclamações em relação ao estoque, a entrega e a troca de produtos – atividades relacionadas à logística.

Ou seja, não adiantava apenas esperar o mês de novembro e deixar a mágica acontecer. Era preciso melhorar a logística e garantir uma experiência completa para o consumidor. E assim aconteceu. Com estratégias mudando desde grandes marcas até pequenos empreendedores.

O Mercado Livre é um ótimo exemplo. A empresa que por muitos anos no Brasil direcionava mais recursos para a divulgação e promoção da Black Friday passou a concentrar investimentos no setor logístico.

Para a Black Friday de 2021, por exemplo, a gigante do e-commerce planeja investir cerca de 4 bilhões de reais no país, com a logística sendo favorecida com a maior parte desse montante.

Como melhorar a logística para a Black Friday?

Agora você já sabe que a logística é essencial para que os bons resultados esperados para a Black Friday aconteçam. Mas é aí que podem surgir alguns questionamentos: como fazer? Como melhorar a logística da sua empresa para uma data tão importante?

Conheça algumas estratégias adotadas por empresas de diferentes portes no mercado.

Garanta um estoque adequado

Para vender muito é preciso contar com uma quantidade alta de produtos. Afinal, não adianta esperar aumento nas vendas se a sua empresa não tem produto disponível no estoque. Além de frustrar os clientes, você pode ter grandes problemas com reclamações e cancelamentos de compras.

Então, garanta um estoque adequado, um volume que seja capaz de suprir a alta demanda da Black Friday. Para isso, algumas medidas pontuais precisam ser tomadas, por exemplo:

  • realizar inventários prévios do seu estoque;
  • mobilizar o departamento de compras;
  • negociar com os fornecedores.

Capacite a equipe de atendimento

Já faz tempo que a ideia de um trabalho isolado por parte setor logístico foi superada. Hoje há um entendimento de que um serviço em alta excelência só é possível quando a logística trabalha em sintonia com outras áreas, como, por exemplo, o Atendimento.

O Atendimento é sim uma das etapas importantes da logística, pois é a partir dessa interação que o cliente começa a tirar dúvidas e entender como a logística da empresa funciona, evitando ruídos de comunicação futuros.

Ao treinar a equipe de Atendimento você a torna capaz de iniciar a jornada, educar o cliente e pôr fim em lendas urbanas relacionadas à logística da Black Friday, tais como:

  • entregas relâmpagos;
  • trocas instantâneas;
  • estoque infinito.

Conte com uma transportadora terceirizada

Realizar uma operação própria de transporte de mercadoria, por si só, já é um grande desafio no Brasil. Estradas mal pavimentadas, insegurança, custos com veículos, entre outros: as dificuldades são enormes. E isso em tempos normais. Na Black Friday tudo é potencializado.

Por isso não adianta arriscar, para uma logística completa e condizente com a demanda da data é preciso terceirizar. Com a participação de uma transportadora você delega várias etapas fundamentais do processo para quem é especialista no assunto.

Dessa forma, além de garantir um serviço de qualidade na parte logística, você consegue diminuir custos com pessoal e veículos, bem como, focar em fatores essenciais como negociação e vendas.

Enfim, se preparar para eventos de grande comoção no varejo como o Natal e a Black Friday nunca foi tão importante. Se o comportamento do consumidor já estava em processo de mudança antes da crise sanitária, a pandemia acelerou de vez essa transformação. Agora, não há dúvidas que somente as marcas capazes de atender as expectativas dos clientes se manterão fortes dentro do mercado. Você não pode ficar para trás.

Continue no nosso blog e conheça agora algumas ótimas soluções para a logística em tempos de Covid-19.